Mestrado

gizele

Gizele Martins

O interesse pela Neuropsicologia sempre esteve presente na minha graduação e me motivou a ingressar no LND em 2011. Desde então, fiz parte de diversos projetos e atualmente sou membro da equipe de Reabilitação e da equipe de Avaliação Neuropsicológica. No programa de reabilitação desenvolvo intervenções voltadas para crianças com transtorno de aprendizagem da matemática. Estas intervenções têm suas bases teóricas na literatura da cognição numérica e em estratégias terapêuticas, permitindo amplo contato com a clínica neuropsicológica.  Na equipe de avaliação tenho interesse especial pela pesquisa do conhecimento numérico em analfabetos e em idosos com demência.  Tenho interesse também nas áreas de teoria cognitivo-comportamental, estatística e neurociência cognitiva.

Currículo Lattes

……………………………………………………………………………………………………

Isabella Starling-Alves

Pacientes com síndromes genéticas têm dificuldades em processar magnitudes? E pacientes com paralisia cerebral? E Crianças com Dificuldade de Aprendizagem da Matemática? Como processamos o tempo, o espaço e o numéro? Como aprendemos a contar? O que é o número?  Perguntas como essas me motivam a trabalhar com pesquisa no Laboratório de Neuropsicologia do Desenvolvimento (LND). Sou membro do LND desde 2009, e venho investigando a configuração do senso numérico, em especial do sistema numérico aproximado, em crianças com Dificuldades de Aprendizagem da Matemática (DAM) e em pacientes diagnosticados com Síndrome de Williams (deleção 7q11.23), e também investigo métodos eficazes de reabilitação neuropsicológica em crianças com DAM. Tenho interesses acadêmicos em neuropsicologia, neurociência cognitiva, psicologia experimental e psicometria. Além disso, interesso-me por filosofia (principalmente filosofia analítica), estatística, programação e artes (com destaque para literatura) e pelas relações destas áreas com a prática neuropsicológica.

Currículo Lattes

……………………………………………………………………………………………………

amandam

Amanda Margarida de Oliveira

O interesse pela neuropsicologia esteve presente desde o início da graduação; atuou em pesquisas com temáticas diversas – esquizofrenia, regulação emocional, dependência química- mas sempre com enfoque neuropsicológico. Ingressou no LND em 2015, já no fim do curso, quando conheceu o professor Vitor Haase através do estágio supervisionado o qual o professor orienta. A partir disso conheceu e se interessou pela interface Genética e Neuropsicologia. Atualmente, no mestrado, desenvolve pesquisas sobre essa interface; Genética da Discalculia e correlações genótipo-fenotípicas são seu enfoque.

                                                                                                            Currículo Lattes

……………………………………………………………………………………………………………

analidia_lnd

Ana Lídia Roldi Fernandes

A motivação pela Neuropsicologia venho após a realização de um estágio atuando com dificuldades de aprendizagem e quando conheceu o professor Vitor Haase onde pode ingressar no Neuropsicologia do Desenvolvimento/Número (LND/NÚMERO) em 2015.  Atou nas pesquisas sobre Síndrome de Williams e no Endofenótipos. A partir disso, iniciou o interesse sobre dificuldades de aprendizagem na matemática. Agora no mestrado, desenvolve uma pesquisa que objetiva a criação de um teste desempenho da matemática baseando em modelos cognitivos e no currículo brasileiro de matemática.

  Currículo Lattes

 

Anúncios